06 outubro, 2016

GARCIA, Ápio - O CUSTÓDIA DA AMÁLIA. [Lisboa], Jornal de Lisboa, [1978?]. In-8.º (20,5cm) de 38, [2] p. ; il. ; B.
1.ª edição.
Homenagem a Aníbal, o «Custódia da Amália», nome por que ficou conhecido o admirador n.º 1 da célebre fadista.
Obra ilustrada com inúmeras fotogravuras no texto.
"Este bosquejo biográfico, aparentemente sem excepcional significado, pode ser ponto de meditação para muitos que julgam não terem grande importância os itinerários da existência dos simples no panorama social.
Parece-nos errado se pensarmos que são perfis como o do protagonista que vai surgir nestas páginas, que não ocupam, muitas vezes, lugar de honra entre os homens mais ricos em bens de qualquer espécie!
Por isso o trazemos a terreiro, embora saibamos, de antemão, merecermos o reparo de certo público que só admite biografias de vultos preponderantes e universalmente identificados."
(excerto do prólogo)
António Augusto Ápio Garcia (1918-1979). Natural de Vila Flor. Escritor, jornalista e produtor radiofónico. Foi proprietário e director do Jornal de Lisboa. Publicou diversas obras literárias, sobretudo de cariz biográfico. Faleceu em Lisboa.
Exemplar brochado em bom estado de conservação.
Muito invulgar.
Com interesse para a bibliografia amaliana.
15€

Sem comentários:

Enviar um comentário