14 dezembro, 2016

MENESES, Bourbon e - OS CRIMES DE 19 DE OUTUBRO. Revelações & Interrogações Sensacionais. Por.... [S.l.], Edição do autor, Janeiro : 1929. In-8.º (19cm) de 52 p. ; E.
1.ª edição.
Trabalho de Bourbon e Meneses sobre a «Noite Sangrenta», baseado nas conversas de Berta Maia, viúva do falecido Carlos da Maia, com Abel Olímpio, o «Dente de Ouro», cabecilha dos assassinos.
Muito valorizado pela dedicatória autógrafa do autor.
"A “noite sangrenta” de 19 de Outubro de 1921, foi um episódio trágico ocorrido durante a I República. Ficou também conhecido por “camioneta da morte” para designar a forma como foram transportados vultos prestigiados da I República, como, Machado dos Santos, Carlos da Maia e António Granjo, antes de serem brutalmente assassinados. Continua a carecer de uma investigação histórica mais aprofundada. Existem versões diferentes sobre quem são os responsáveis destes assassinatos, que se repartem entre desconhecidos ligados ao radicalismo revolucionário ou por monárquicos que se terão “infiltrado no movimento revolucionário para depois empalmá-lo”.
(fonte: http://inclusaoecidadania.blogspot.pt)
Afonso Augusto Falcão Cotta de Bourbon e Menezes (1890-1948). "Ficou, sobretudo, ligado ao jornalismo republicano. Lisboeta de nascimento, Bourbon e Menezes estreou-se nas páginas de A Manhã, jornal dirigido por Mayer Garção, passando depois pelas redacções de O Mundo, Primeiro de Janeiro, Voz do Operário e Diário de Notícias, onde firmou a coluna "Pedras soltas". Grande prosador e polemizador, deixou também vários livros de contos e o poema Menino (1925) que Fernando Pessoa teria chegado a verter para inglês."
Encadernação em meia de pele. Sem capas de brochura.
Exemplar em bom estado geral de conservação. Manuseado, mais visível junto à lombada.
Invulgar.
Com interesse histórico.
Indisponível

Sem comentários:

Enviar um comentário